18 DE JUNHO: 112 anos da imigração japonesa no Brasil

Ontem, dia 18 de junho, foram comemorados os 112 anos da imigração japonesa no Brasil, data em que os primeiros imigrantes japoneses chegaram ao Porto de Santos, em 1908. Hoje, a Gazeta Vargas apresenta um pouco sobre esse processo e a comunidade japonesa no Brasil, bem como as dificuldades e o racismo contra essa população, que permanecem até hoje. Clique na imagem para saber mais sobre esse momento histórico!


Pesquisa e textos: Laura Kirsztajn e Luiza Castelo

Capa e diagramação: Carolina Eguchi

Revisão: Cedric Antunes


Sugestões:


Orientalismo: o Oriente como invenção do Ocidente, por Edward Said. Disponível em: https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/1861897/mod_resource/content/1/said%20edward%20w%20-%20orientalismo.pdf


A solidariedade antirracista como urgência em tempos de pandemia, em Outra Coluna. Disponível em: https://outracoluna.wordpress.com/2020/06/11/a-solidariedade-antirracista-como-urgencia-em-tempos-de-pandemia/


Pornografia gay e racismo: a representação e o consumo do corpo amarelo na pornografia gay ocidental, pesquisa feita na Universidade Federal Fluminense, por Hugo Katsuo.


Elas, Amarelas - conheça as garotas do Lótus PWR, coletivo feminista que quer desconstruir estereótipos e fetiches da mulher de ascendência asiática no Brasil. Por Juliana Sayuri. Disponível em: https://revistatrip.uol.com.br/tpm/lotus-pwr-coletivo-feminista-estereotipos-fetiches-mulher-de-ascendencia-asiatica-brasil


Imigração Japonesa nas Revistas Ilustradas: Preconceito e Imaginário Social (1897 – 1945), por Marcia Yumi Takeuchi.


Museu Histórico da Imigração Japonesa no Brasil - Museu Bunkyo. Rua São Joaquim, 381, Liberdade, CEP 01508-900, São Paulo-SP. http://www.museubunkyo.org.br/museu.htm


O “Perigo Alienígena”: política imigratória e pensamento racial no Governo Vargas (1930-1945). Tese de doutorado de Endrica Geraldo. Disponível em: http://repositorio.unicamp.br/jspui/bitstream/REPOSIP/280760/1/Geraldo_Endrica_D.pdf




Fontes:


DEZEM, Rogério A. A Questão Chinesa (1879) no Brasil. Osaka: Revista de Estudos Brasileiros do Departamento de Português da Universidade de Osaka, 2018. Vol. 14. Disponível em: www.academia.edu/36045590/_A_Quest%C3%A3o_Chinesa_1879_no_Brasil _Revista_de_Estudos_Brasileiros_Vol._14._March_2018._Portuguese_Dept._Osaka_University._ISSN_1881-2317.


DEZEM, Rogério A. Matizes do ‘amarelo’: elementos formadores do imaginário sobre o japonês no Brasil. São Paulo: Proin - Arquivo Público do Estado e Universidade de São Paulo, s.d. Disponível em: http://www.usp.br/proin/download/artigo/artigo_matizes_amarelo.pdf


Imigração Japonesa no Brasil; disponível em: https://pt.wikipedia.org/wiki/Imigração_japonesa_no_Brasil#cite_note-suzuki-31


MORAIS, Fernando. Corações sujos. São Paulo: Companhia das Letras, 2000


MURPHY, Paul. Orientalismo. Dicionário de Termos Literários. Disponível em: https://edtl.fcsh.unl.pt/encyclopedia/orientalismo/


IBGE. Pesquisa das Características Étnico-Raciais da População https://www.ibge.gov.br/estatisticas/sociais/populacao/25844-desigualdades-sociais-por-cor-ou-raca.html?edicao=25845&t=sobre


CARTA CAPITAL. Você sabe o que é a militância asiática? Disponível em: https://www.cartacapital.com.br/sociedade/voce-sabe-o-que-e-militancia-asiatica/


IGARASHI, Renato Takashi. Justificando. O “perigo amarelo” na pandemia do novo coronavírus. Disponível em: http://www.justificando.com/2020/04/08/o-perigo-amarelo-na-pandemia-do-novo-coronavirus/


MORI, Letícia. BBC. ‘Não toleramos mais’: por que velhas piadas estão inflamando debate sobre racismo entre descendentes de asiáticos no Brasil. Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/brasil-40816773


ITO, Carol. Revista Trip - UOL. Meu nome não é japa: o preconceito amarelo. Disponível em: https://revistatrip.uol.com.br/trip/meu-nome-nao-e-japa-o-preconceito-amarelo


CONSULADO GERAL DO JAPÃO EM SÃO PAULO. O mundo da comunidade nipo-brasileira em São Paulo. Disponível em: https://www.sp.br.emb-japan.go.jp/itpr_pt/nipobrasileiro.html


CULTURA JAPONESA. A História da Imigração Japonesa no Brasil. Disponível em: http://www.culturajaponesa.com.br/index.php/historia/imigracao/historia-da-imigracao-japonesa-no-brasil/


PEREIRA, Joseane. Aventuras na História. 111 anos da imigração japonesa no Brasil em imagens. Disponível em: https://aventurasnahistoria.uol.com.br/noticias/reportagem/imigracao-japonesa-no-brasil-111-anos.phtml


ENDRICA, Geraldo. O “Perigo Alienígena”: política imigratória e pensamento racial no Governo Vargas (1930-1945). Tese de doutorado apresentada ao Departamento de História do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Estadual de Campinas. Disponível em: http://repositorio.unicamp.br/jspui/bitstream/REPOSIP/280760/1/Geraldo_Endrica_D.pdf


GARCIA, Maria Fernanda. Observatório do Terceiro Setor. Tempos obscuros: Brasil tinha campos de concentração na 2ª Guerra. Disponível em: https://observatorio3setor.org.br/noticias/tempos-obscuros-brasil-tinha-campos-de-concentracao-na-2a-guerra-mundial/


DECRETO 528/1890 https://www2.camara.leg.br/legin/fed/decret/1824-1899/decreto-528-28-junho-1890-506935-publicacaooriginal-1-pe.html#:~:text=Decreto%20n%C2%BA%20528%2C%20de%2028%20de%20Junho%20de%201890,dos%20Estados%20Unidos%20do%20Brazil.&text=3%C2%BA%20A%20policia%20dos%20portos,como%20dos%20mendigos%20e%20indigentes.


Brasil é o país que abriga a maior comunidade japonesa fora do Japão; disponível em: http://www.itiban.tur.br/2018/11/16/brasil-e-o-pais-que-abriga-a-maior-comunidade-japonesa-fora-do-japao/


68 visualizações