CARTA ABERTA AOS VESTIBULANDOS: "HÁ BELEZA EM VOCÊ, EU SEI QUE HÁ."

O texto de hoje foi enviado por Raira Castilho através de nosso Espaço Aberto, e é um diálogo direto com vestibulandos, que estão constantemente enfrentando dificuldades, anseios e inseguranças. Para todos que estão passando por esse momento delicado e difícil, este texto é para vocês.

Eu queria ter tido um guia que me preparasse para tudo com o que eu ia me deparar ao longo do terceiro ano do colegial, mas não é possível, porque é diferente para cada um, e talvez eu só soubesse o que é vivendo ele?! Eu queria ter sido mais generosa comigo, já que o mundo parecia não estar sendo. Eu queria ter ido constantemente para lugares que me faziam bem, porque às vezes, esses mesmos lugares “só” precisavam me lembrar de coisas boas, sabe? Às vezes, eu “só” precisava me lembrar de que eu também era boa, em meio a tantas coisas que pareciam me mostrar que eu não era. No terceiro ano e nessa fase de vestibular, é muito comum a gente só olhar para aquela questão que a gente errou, para aquela matéria que a gente tem dificuldade e nos faz sentir incapazes.


Por que raios nossa mente faz a gente sempre focar nessas coisas ruins? É a nossa mente tentando nos sabotar. Por isso, e quantas vezes for preciso, volte para esses lugares que fazem você sentir-se a pessoa mais incrível do mundo, ou que possam te trazer ou lembrar de algo mais leve que o terceiro ano ou essa fase de vestibular. Esteja com pessoas que vão estar ali para te ouvir e te ver chorando quantas vezes for preciso, pois no final do dia, eles vão te lembrar que eles amam e admiram a sua totalidade. Por isso “tudo bem chover, às vezes” e tudo bem você não estar bem e perfeita(o) todos esses momentos, sabe?


Um dia me disseram que a gente admira mais ainda alguém quando a gente enxerga tudo que acontece por trás de toda beleza que a maioria vê, entende? Não seja tão cruel com você, por favor. Coloque sua música preferida e vá dançar. Tudo bem você se estiver cansada(o) e quiser ir dormir. Não, não são aprovados aqueles que estudam enquanto outros dormem. Talvez não tenha mesmo uma fórmula para aprovação, talvez seja preciso você, na medida do possível, lembrar que você é como uma borboleta. O mundo, seus amigos, ou qualquer pessoa, podem te mostrar todos os dias que linda(o), que incrível você é. Todavia, você não vai conseguir vislumbrar toda a magnitude dessa beleza, porque suas asas ficam iluminando os outros ao seu redor, então, você não vai conseguir enxergá-la. Entretanto, eu te juro que ela está ali. Eu juro que há beleza em você.


Comemore as pequenas vitórias do dia, visto que elas vão te dar ânimo de persistir até chegar nas “grandes” vitórias. Não deixe de se alimentar, nem de dormir. Não é questão de quem faz mais, a gente confunde muito qualidade com quantidade e esquece o bem estar e a saúde. Eu estava pensando agorinha... um momento específico do meu terceiro ano pode ter me salvado dos meus piores dias, sabe? Não se prive de viver e nem de se divertir. Não escute o que eles dizem, não há melhor pessoa no mundo para saber o melhor para você a não ser você mesma(o). Eu sei que a frase: “acredite em você” pode ser um tanto clichê, mas era tudo o que eu precisava dizer para mim mesma no terceiro ano. Feche os olhos agora e pense em pelo menos um momento em que você sentiu-se muito bem consigo mesma(o). Pegue um papel agora e escreva no mínimo cinco coisas que você admira em você (eu sei que tem).


Pergunte a seus melhores amigos o que eles admiram em você. Escreva em post-its isso e deixe em um lugar visível, uma vez que, às vezes, você “só” precisa ser lembrada(o) da magnitude que esconde-se aí. Coloque na capa do seu celular ou do seu computador aquele momento especial que tenha te feito sentir especial, porque, talvez, nos seus piores dias, você precise deles para tentar sobreviver e aguentar. Eu juro que os seus piores dias vão passar, mesmo que nunca pareçam estar perto de acabar, mas assim como os bons momentos se vão, os ruins também acabam. Já já você vai estar dentro da faculdade que você escolheu, reclamando dela (caso seja esse seu desejo). Tenha em mente que “O seu futuro vai ser brilhante, porque vai ser no tempo e no lugar certo, mesmo que você não entenda isso hoje”, e que “O que é seu dá um jeito de chegar até você”.


Com carinho, Raira Castilho


Foto da capa: Kurt Chang

1,364 visualizações